6 razões porque empresas de sucesso contratam consultoria de Diversidade e Inclusão para o RH

6 razões porque empresas de sucesso contratam consultoria de Diversidade e Inclusão para o RH

A diversidade e inclusão dos colaboradores é um tema que tem ganhado cada vez mais força. Grandes empresas têm incluído essa pauta em sua visão e valores, mostrando o quanto se importam que seu quadro de colaboradores seja composto por pessoas de todos os perfis. Para não ficar para trás neste processo de evolução, é essencial fazer uma consultoria de diversidade em sua organização.

O que é Diversidade nas empresas?

Diversidade é um conjunto de aspectos que diferenciam e assemelham os indivíduos, independentemente da religião, orientação sexual, etnia, nacionalidade, gênero, deficiência ou idade.

A diversidade, por muitos anos, foi um assunto pouco falado nas empresas. Mas, com a facilidade de acesso à informação, por meio da evolução tecnológica, o comportamento do ser humano tem se transformado nos tempos modernos, o que fez com que as pessoas voltassem os olhos para esse tipo de pauta atualmente.

O que é uma consultoria de diversidade?

A consultoria de diversidade e inclusão atua nas empresas auxiliando na gestão de pessoas. Ela contribui com o recrutamento e seleção, adaptação de processos, política de benefícios, plano de desenvolvimento pessoal, entre outros. O foco está em alcançar transformações que a organização precisa para se tornar inclusiva e diversa.

Além disso, a consultoria de diversidade auxilia a empresa a desenvolver estratégias inclusivas para agregar ao seu quadro de colaboradores:

  • Mulheres;
  • Deficientes.
  • Profissionais idosos;
  • Profissionais negros;
  • Pessoas da comunidade LGBTQIA+;
  • Outros perfis que se enquadram nos grupos de minorias no mercado de trabalho.

Portanto, esse serviço é capaz de preparar o RH para assumir o protagonismo pela diversidade. Todas as etapas do programa são elaboradas junto com tutores e o time de colaboradores da empresa, tendo como base o conceito de aprender a fazer.

6 razões porque empresas de sucesso contratam consultoria de Diversidade e Inclusão para o RH

Empresas que investem em diversidade em seu time têm um desempenho médio 43% melhor em receita do que as que não praticam essas ações. A maioria dessas organizações de sucesso contratam um consultor de diversidade e inclusão para o RH, elevando o nível de desempenho da equipe. 

Confira agora 6 razões porque empresas de sucesso contratam consultoria de diversidade e inclusão para o RH:

1. Identificar oportunidades de aprimoramento

O consultor é capaz de oferecer uma avaliação externa, imparcial, pragmática e prática de como a empresa pode melhorar a diversidade e a inclusão no ambiente de trabalho. Por isso, investir em uma consultoria evita que lacunas nessas áreas sejam abertas.

Além disso, é comum que as organizações tenham níveis mais altos de turnover em sua equipe, o que gera custos de contratação e recrutamento, honorários e despesas legais, podendo custar milhões em receita perdida a cada ano.

A consultoria de diversidade ajuda a empresa a identificar oportunidades de melhorar o envolvimento, a comunicação, a diversidade, a inclusão e o crescimento dos colaboradores. Isso resulta em mais proatividade, retenção, satisfação e reconhecimento dos profissionais.

2. Identificar o Impacto da discriminação

As empresas (junto ao departamento de RH) devem compreender os impactos negativos da discriminação no ambiente de trabalho, observando como ela afeta o bem-estar, a saúde mental e física, além do desempenho do profissional que sofre com isso.

A discriminação no local de trabalho pode resultar em diversas implicações pessoais para a vítima, como:

  • Fadiga;
  • Ansiedade;
  • Depressão;
  • Insatisfação;
  • Isolamento social;
  • Desentendimento;
  • Falta de motivação.
  • Diminuição da saúde mental e bem-estar;
  • Sentimentos de inferioridade e depreciação;
  • Tensão de relacionamento pessoal e profissional.

Por isso, não ter uma boa consultoria de Diversidade e Inclusão é prejudicial tanto para os colaboradores quanto para a organização. Além disso, negar a existencia da discriminação no ambiente de trabalho é aceitar o comportamento discriminatório e racista, se tornando conivente com a situação.

Portanto, é necessário ter uma postura firme e investir em todas as ações necessárias para evitar esse tipo de situação na sua empresa.

3. Mudar o olhar sobre os colaboradores

Para extrair o máximo dos seus colaboradores, é necessário compreender os seguintes pontos:

  • O quê precisa ser melhorado?
  • Como eles estão se sentindo?
  • O que os faz ir ao trabalho?
  • O que deixa seus funcionários felizes?
  • O que mais a empresa pode fazer para ajudar?
  • O que os torna infelizes, irritados e zangados?

 

Saber mais sobre esses pontos ajuda a empresa a descobrir onde precisa melhorar e as ferramentas necessárias para desenvolver um ambiente de trabalho saudável.

4. Ter uma organização mais inclusiva

O serviço de consultoria em diversidade e inclusão garante o desenvolvimento de um local de trabalho mais diversificado e inclusivo por meio de orientações que fazem as organizações pensarem de forma mais crítica, agindo e demonstrando equidade, pertencimento e inclusão. Aqui, as empresas passam a ver os colaboradores como pessoas e não como instrumentos de uso.

Além disso, elimina o ruído no ambiente de trabalho e ajuda as organizações a chegarem à raiz do problema.

5. Aumentar a competitividade e o lucro da empresa

Já foi mencionado o quanto as empresas que investem em políticas de diversidade possuem mais chances de se destacarem no mercado e atingirem melhores resultados.

Segundo o levantamento de dados realizado pela McKinsey & Company, as organizações que possuem diversidade de gênero tendem a ser 21% mais lucrativas e possuem 33% mais chances de serem bem-sucedidas quando investem em diversidade étnica.

De acordo com a pesquisa, isso se deve ao fato de que empresas que expressam preocupação com a diversidade atraem os profissionais mais qualificados do mercado. Esses colaboradores possuem melhor desempenho e se interessam em proporcionar uma experiência agradável aos clientes, levando em consideração a identificação gerada entre o colaborador e o consumidor.

Além disso, a melhora na qualidade de vida, satisfação, segurança e confiança dos colaboradores, causa um impacto direto no processo de tomada de decisões, desenvolvendo uma comunicação mais assertiva e identificação com clientes de diferentes perfis.

6. Melhorar o engajamento e a produtividade

Ao investir em diversidade, as empresas mostram ser excelentes ambientes tanto para trabalhar quanto para crescer na carreira, gerando nos colaboradores maior senso de pertencimento a esse tipo de organização em comparação a instituições que não se interessam pela diversidade.

Isso melhora o engajamento entre as equipes e dos próprios profissionais em relação às metas do negócio, o que pode ser chamado de “vestir a camisa” da empresa. Além disso, ter um espaço para mais colaboração aumenta naturalmente a produtividade em todos os setores.

Lembre sempre que pessoas diferentes trazem experiências e ideias diferentes. Veja agora um guia prático com 7 dicas para iniciar a diversidade e inclusão na sua organização!

Sobre o autor

JobConvo

A JobConvo foi desenvolvida para crescer com a sua empresa – fornecendo os recursos e a flexibilidade de que você precisa em cada estágio. Se a sua empresa possui 1 ou 10.000 funcionários, pode contar conosco. Atualmente nossas soluções abrangem plataforma de Gestão para Processos de Recrutamento e Seleção e admissão digital, onde você pode gerir todo o processo com um sistema com inteligência artificial.

Newsletter BR

Pesquisa Vagas

Vagas Tech

PodCast

Sobre a JobConvo

Plataforma Líder em Gestão para Processos de Recrutamento e Seleção

  • Crie requisições;
  • Personalize e automatize as etapas dos processos;
  • Compartilhe as vagas em diversos canais;
  • Aplique testes técnicos;
  • Faça o Fit Cultural e a tendência de comportamento dos candidatos;
  • Analise as vídeo entrevistas;
  • Compartilhe os finalistas com gestores;
  • Analise os relatórios;
  • Faça a admissão digital.

Saiba mais