Propaganda

7 benefícios da Análise Comportamental para o seu RH

7 benefícios da Análise Comportamental para o seu RH
Propaganda

A Análise Comportamental é uma das técnicas de seleção utilizadas para identificar o melhor candidato para uma vaga em aberto. Para isso, ela faz a análise do perfil comportamental do profissional.

Dessa forma, a empresa conhece a personalidade do candidato, avaliando assim se ele se encaixa no perfil da vaga e até mesmo dentro da cultura organizacional da organização. Continue acompanhando a leitura e saiba tudo sobre os benefícios dessa ferramenta de RH!

O que é análise comportamental?  

Análise comportamental é um tipo de teste realizado por psicólogos e profissionais de RH para descobrir dados sobre a personalidade de uma pessoa. Esse teste pode ser realizado com diferentes propósitos, como por exemplo encontrar o candidato ideal para preencher uma vaga na empresa. 

A análise comportamental consegue identificar pontos que permitem que habilidades importantes sejam trabalhadas no colaborador para que ele consiga resolver problemas e enfrentar desafios. Essa técnica pode estimular um comportamento proativo dos funcionários.

História da análise comportamental 

Hoje em dia, há muitos softwares que realizam a análise comportamental dos colaboradores de uma empresa, mas nem sempre foi assim. O estudo do comportamento humano teve como base teorias da psicologia, no final do século XIX e início do século XX, que acreditavam que o comportamento era influenciado por uma série de fatores que envolvem: 

  • Questões genéticas;
  • Vivências pessoais;
  • Estímulos externos provenientes da cultura.

A partir disso, foi possível criar testes de personalidade para classificar padrões de comportamento que ganharam importância no R&S. Estes testes melhoraram  a qualidade das contratações e, consequentemente, o trabalho das equipes.

Por fim, na análise comportamental, o RH pode medir e classificar:

  • Motivações e valores do candidato;
  • Tendências de comportamento;
  • Facilidade na comunicação; 
  • Níveis de relacionamento interpessoal;
  • Capacidade de adaptação.

Quais os tipos de análise comportamental?

Em uma empresa, irão aparecer pessoas com perfis e personalidades diferentes. Por isso a importância de fazer a análise comportamental em candidatos e colaboradores. 

Existem vários testes que podem ser realizados para descobrir a personalidade dos profissionais. Confira a seguir: 

Teste DISC

Desenvolvida em 1920 pelo psicólogo Willian Marston, a metodologia DISC descreve quatro tipos de comportamentos predominantes no indivíduo: dominância, influência, estabilidade e conformidade.

Essa nomenclatura pode variar em cada sistema utilizado. O importante é estar atento para a eficácia da avaliação.

As vantagens em aplicar essa análise comportamental são inúmeras, como: 

  • Autoconhecimento do funcionário;
  •  Aprimoramento das relações de trabalho;
  • Reconhecimento de mudanças no processo de comunicação.

Teste MBTI

O termo MBTI é a sigla para Myers Briggs Types-Indicator. Ele é uma ferramenta muito utilizada para identificar a personalidade dos candidatos. É um teste clássico, em que o indivíduo escolhe as frases que melhor  se adaptam às suas preferências. Por exemplo, questões como “Você se considera mais prático do que criativo” costumam aparecer nos questionários MBTI, resultando em 16 tipos de personalidade possíveis.

O teste MBTI baseia-se em quatro dimensões essenciais de tipos psicológicos:

  • Extroversão (E) / Introversão (I);
  • Sensação (S) / Intuição (N);
  • Pensamento (T) / Sentimento (F);
  • Julgamento (J) / Percepção (P).

Teste de perfil STAR

Este método funciona como uma avaliação de competências para descobrir a habilidade de um indivíduo em situações reais. O teste abrange 4 nomenclaturas: situação, tarefa, ação e resultado. 

O teste geralmente pede ao candidato que responda perguntas como:  “Fale sobre um momento em que …” e “Descreva uma situação em que você teve que …”. 

Esse teste permite que o candidato se expresse com mais liberdade, descrevendo sua experiência em detalhes, mostrando suas habilidades. 

Teste Fit Cultural

Este teste busca o alinhamento entre os profissionais e a cultura organizacional. Ou seja, é uma ferramenta utilizada para medir a compatibilidade de uma pessoa com o ambiente de trabalho na qual ela possivelmente será inserida. Os valores analisados no teste são:

  • Competitividade;
  • Responsabilidade social;
  • Motivação;
  • Inovação;
  • Remuneração;
  • Resultados;
  • Estabilidade.

Teste de Dominância Cerebral ou HBDI

A teoria de Ned Herrmann assume que o cérebro humano é dividido em quatro quadrantes com características diferentes, uma das quais é sempre dominante.

Ele criou este modelo de teste para ilustrar o processo de pensamento e aprendizagem de um determinado candidato e cada uma dessas partes do cérebro têm diferentes estilos de aprendizagem ou pensamento.

Dependendo de quais quadrantes o candidato se identifica mais, ele pode apresentar um tipo de  aprendizagem e pensamento específico. 

Por exemplo, se for mais para o quadrante B, esse tipo de candidato tem facilidade em organizar, sequenciar, avaliar e praticar. Já os que se identificam mais com o quadrante D são pessoas que gostam mais de explorar, descobrir, conceituar e sintetizar.

Sua principal vantagem é que é um teste simples de aplicar e que ajuda o recrutador a entender as preferências de pensamento dos seus candidatos. 

Metodologia LABEL

A sigla LABEL significa Lista de Adjetivos Bipolares e em Escala de Likert. É uma ferramenta de análise psicológica muito complexa.  

Essa estratégia é fundamental para identificar as competências dos candidatos, aprimorá-las se necessário e alcançar melhores resultados. Você ainda consegue ter uma equipe mais equilibrada, com pessoas cujas competências são complementares, o que gera um alto desempenho dos funcionários e uma maior produtividade nas empresas. 

7 Benefícios da Análise Comportamental para o seu RH

Agora que você já entendeu a importância da análise comportamental para o sucesso das empresas, separamos 7 benefícios da aplicação dessa ferramenta em sua organização: 

1. MELHORIA NOS PROCESSOS DE RECRUTAMENTO E SELEÇÃO

Esse é o principal benefício que a análise comportamental oferece. Afinal, ela permite que a empresa faça uma escolha mais assertiva e selecione o candidato mais adequado para o cargo. 

A análise comportamental pode ser usada também para recolocação de candidatos dentro da própria empresa ao permitir a descoberta de novos talentos. 

2. DIMINUIÇÃO DO TURNOVER

Ao estarem na vaga certa de acordo com suas análises comportamentais, os colaboradores se tornarão menos propensos a pedir demissão ou serem demitidos. 

E sendo os candidatos adequados, eles trabalharão mais motivados e serão mais produtivos. Consequentemente isso irá diminuir a taxa de turnover.

3. FACILIDADE NO GERENCIAMENTO DE CONFLITOS

Ao fazer a análise comportamental de seus funcionários, o RH consegue juntar colaboradores que possuem mais afinidade e dessa forma poderão trabalhar melhor entre si. 

Logo, a análise comportamental ajuda a empresa a desenvolver um ambiente mais harmonioso, gerando menos conflitos entre seus colaboradores. 

4. MAIOR DESENVOLVIMENTO E RETENÇÃO DE TALENTOS

Não há dúvidas que investir em treinamentos é uma ótima forma de desenvolver e reter talentos dentro das empresas. Contudo, a análise comportamental também é fundamental para trabalhar o potencial de cada colaborador. 

Ao investir em assertividade nos processos seletivos, dificilmente eles irão sair da empresa e serão motivados a dar o seu melhor. 

5. REDUÇÃO DOS CUSTOS 

Outra grande vantagem para as empresas é a redução dos custos. Como já abordado, a empresa passa a contratar com mais assertividade, diminuindo assim gastos com muitas demissões e novos processos seletivos.  

6. DECISÕES MAIS ASSERTIVAS

Pode ocorrer momentos em que o RH se depara com candidatos que são muito bons e com experiências semelhantes. Com isso, a empresa precisa decidir qual o mais indicado naquele momento para a vaga em aberto.  

Nesse caso, realizar uma análise comportamental pode auxiliar na tomada de decisões assertivas, a fim de escolher o melhor candidato naquele perfil que irá se encaixar na vaga. Afinal, com base em dados é mais fácil escolher a melhor opção. 

7. BENEFÍCIOS PARA GESTORES 

Esse é outro ponto importante. Quando os gestores podem escolher os melhores talentos, eles conseguem oferecer uma gestão eficiente e dessa forma mediar conflitos de forma mais eficiente Eles também poderão descobrir com mais facilidade quais são os colaboradores que precisam receber capacitação.

Como utilizar a análise comportamental nas empresas?

Quando bem implementada dentro das organizações, essa ferramenta pode trazer vários benefícios, para diferentes áreas da empresa. 

Confira agora em quais processos a análise comportamental pode ser executada para simplificar o trabalho da sua gestão de pessoas:

Recrutamento e seleção

No processo de recrutamento e seleção, esse tipo de análise é aplicada para  avaliar o conhecimento do candidato em várias etapas, mas isso nem sempre é a decisão final para a escolha do melhor profissional. 

Por exemplo, se você tem uma vaga em TI, será indispensável que o candidato tenha domínio de algumas ferramentas. 

Ao avaliar seus conhecimentos técnicos, embora ele possa se sair com o melhor desempenho, se ele não tiver uma boa capacidade de trabalhar em equipe, empatia ou não se adequar à cultura organizacional, ele não será a melhor escolha. 

Aplicação em treinamentos 

A análise comportamental pode ser usada em treinamentos a fim de conhecer mais a fundo os seus colaboradores e identificar questões que precisam ser aprimoradas. 

O treinamento também ajuda a descobrir tipos de perfis dentro da equipe que estavam adormecidos. 

Gestão de equipes

A análise comportamental é indicada não só para o colaborador no individual, mas para gerir equipes. Essas oportunidades de treinamento em equipe permitem ao gestor identificar as necessidades de cada membro do time e dessa forma oferecer os melhores cursos de capacitação para as necessidades de cada equipe.

Cabe ao gestor apontar essa necessidade e encaminhar as capacitações de forma adequada em treinamentos curtos ou mais robustos de longa duração. 

Chegamos ao final deste artigo! Você com certeza percebeu que a análise comportamental é essencial para um bom trabalho de gestão de RH. 

Essas ferramentas permitem às empresas escolherem os melhores talentos e dessa forma obterem vantagem competitiva em relação à concorrência. 

Esperamos que os tópicos apresentados possam ajudar a sua empresa a escolher a melhor ferramenta de análise comportamental e dessa forma contribuir para o seu setor de RH.  

Aqui no software JobConvo, a sua empresa pode aplicar o teste Fit Cultural, além de testes técnicos e personalizáveis. Clique aqui e solicite a sua demonstração GRATUITA!

Propaganda

Sobre o autor

JobConvo

A JobConvo foi desenvolvida para crescer com a sua empresa – fornecendo os recursos e a flexibilidade de que você precisa em cada estágio. Se a sua empresa possui 1 ou 10.000 funcionários, pode contar conosco. Atualmente nossas soluções abrangem plataforma de Gestão para Processos de Recrutamento e Seleção e admissão digital, onde você pode gerir todo o processo com um sistema com inteligência artificial.

Sobre a JobConvo

Plataforma Líder em Gestão para Processos de Recrutamento e Seleção

  • Crie requisições;
  • Personalize e automatize as etapas dos processos;
  • Compartilhe as vagas em diversos canais;
  • Aplique testes técnicos;
  • Faça o Fit Cultural e a tendência de comportamento dos candidatos;
  • Analise as vídeo entrevistas;
  • Compartilhe os finalistas com gestores;
  • Analise os relatórios;
  • Faça a admissão digital.

Saiba mais