A avaliação 180 graus é um método de avaliação de desempenho que visa avaliar a performance do profissional em suas atividades. Por via de regras objetivas e diretivas, essa metodologia, junto a avaliação 360 graus, se tornou muito popular nas grandes empresas. 

Avaliar o desempenho dos colaboradores é essencial para o sucesso da empresa. Assim, os gestores conseguem dar feedbacks precisos aos seus funcionários. A avaliação 180º se torna uma  vertente eficaz para a capacitação dos colaboradores para suas funções. Para entender melhor como funciona e a melhor forma de aplicação, continue lendo este artigo.

Quais são os tipos de avaliação de desempenho?

Além da avaliação de desempenho 180 graus, existem outros métodos populares que podem ajudar os gestores. São eles:

  1. Autoavaliação: o colaborador avalia a si mesmo de acordo com alguns critérios; 
  2. Avaliação por superior imediato: os gestores irão avaliar o desempenho dos seus colaboradores;
  3. Avaliação por competências: Para realizá-la deve-se definir as principais competências esperadas. A partir dessa definição, avalia quais delas estão sendo praticadas;
  4. Avaliação por objetivos: a própria equipe cria, junto ao seu líder, uma série de metas e objetivos que devem ser atingidos em um determinado período;
  5. Avaliação por incidentes críticos: registro detalhado de situações específicas nas quais o colaborador se portou muito bem ou muito mal;
  6. Avaliação por distribuição forçada: estabelecer categorias de desempenho e alocar um percentual X de colaboradores em cada uma delas de acordo com suas performances;
  7. Avaliação atrelada a custo: O colaborador é examinado em função da relação custo/benefício que proporciona à empresa;
  8. Avaliação 360 graus:  todas as pessoas que têm contato com o colaborador participam da sua avaliação. Ou seja, o funcionário é avaliado por colegas e líderes.

Apesar da variedade de avaliações de desempenho disponíveis, aqui, vamos focar na avaliação de desempenho 180 graus, para entender como ela funciona e a melhor forma de aplicá-la.

O que é uma avaliação 180 graus?

A avaliação 180 graus é um método, que objetiva a análise da performance do profissional nas atividades. Ela inclui a avaliação de itens como qualidade do trabalho, produtividade, pontualidade, relação com os colegas, cooperatividade e flexibilidade. Responsabilizando o gestor imediato pelo Feedback.

A avaliação de desempenho 180 graus, é um processo em que o colaborador tem a oportunidade de receber um feedback da chefia. O que proporciona que líder e subordinado possam dialogar em uma entrevista sobre as pontuações dadas. Proporcionando assim, aprendizagem e crescimento para o funcionário. Além disso, é possível aplicar o mesmo procedimento para avaliação do gestor e, assim, os dois podem se reunir para discutir as pontuações.

Quais são as vantagens da avaliação de desempenho 180 graus?

A avaliação 180 graus é muito importante para a organização e para os colaboradores. Por meio dela é possível não apenas mensurar, mas também captar as rupturas e construir uma solidez por meio do feedback. Esse tipo de avaliação de desempenho oferece algumas vantagens para a empresa. São elas:

Melhora o clima organizacional

A avaliação 180 graus beneficia a empresa no que tange ao clima organizacional. Com ela, é possível identificar conflitos e emergências, de modo a garantir o bem-estar dos profissionais e a produtividade.

Por meio da avaliação 180 graus é possível abordar questões conflitantes e insatisfações de cada indivíduo. Além disso, por meio do feedback, é possível estimular os colaboradores a ter uma postura mais adequada na empresa. Esse retorno, possibilita que os funcionários possam ter um aprimoramento contínuo, desenvolvendo competências comportamentais e a cooperatividade. 

Ou seja, a avaliação 180 graus proporciona uma melhora na convivência e no clima organizacional, permitindo que os colaboradores se conscientizem de suas limitações e possam corrigir problemas em suas atitudes.

Identificação dos pontos de melhoria

O feedback, posterior a avaliação 180 graus, proporciona ao gestor a oportunidade de identificar pontos de melhoria e oferecer ao profissional um retorno construtivo. Além disso, com o feedback, o colaborador pode conhecer quais são os aspectos em que precisa melhorar. Ou seja, a avaliação 180 graus acaba por promover a cultura de autoconhecimento e amadurecimento no trabalho.

Estímulo ao diálogo entre colaborador e gestor

A avaliação 180 graus é uma forma de melhorar a comunicação e o diálogo entre gestor e colaborador.  Quando realizada do gestor para o funcionário, proporciona estímulo a conversação, para que ambos exponham suas ideias e compreendam melhor o ponto de vista um do outro. Desse modo, ele abre a possibilidade de fortalecer o vínculo entre a chefia e a equipe.

Promoção do engajamento

A avaliação 180 graus é uma forma da empresa demonstrar que acredita no potencial do colaborador. Com isso, a organização acaba recebendo uma maior dedicação e comprometimento por parte dos colaboradores. Além de bons resultados a avaliação 180 graus, proporciona motivação e  engajamento na execução de tarefas.

Orientação para o crescimento profissional

O retorno do gestor é um bom direcionamento para o desenvolvimento do profissional. A avaliação 180 graus é um método que ajuda na melhoria contínua dos funcionários. Pois. ela oferece um retorno coerente, possibilitando que o profissional tenha perspectivas de ascensão na carreira.

Aprenda como realizar a avaliação 180 graus em 3 passos

A avaliação 180 graus pode ser realizada em 3 passos simples e objetivos. Veja como aplicá-los a seguir:

1º passo: Comunicar aos funcionários sobre a avaliação

Toda avaliação interna tem início com a comunicação prévia. O envio de um comunicado informativo com a data da realização da avaliação 180 graus é fundamental para que haja engajamento. Essa divulgação promove a cooperatividade e estimula o estabelecimento de um diálogo positivo, evitando que o colaborador seja apresentado ao processo sem saber. 

2º passo: Resolução do questionário avaliativo

Nesse momento, o gestor responde aos questionários dos profissionais, dando notas nos itens indicados. Para que seja executado da forma correta, o preenchimento deve ser completamente imparcial, considerando a atuação do colaborador como um todo. Caso o gestor também seja avaliado, o mesmo processo deve ser realizado pelo colaborador. Diferentemente da avaliação 360 graus, neste formato, apenas os pares são avaliados.

3º passo: Reunião de feedback

A avaliação 180 graus é um sistema de análise de desempenho baseado na obtenção de feedback do gestor imediato. Na última etapa da avaliação, o gestor deve se reunir com cada colaborador, mostrando as pontuações de cada item. A partir disso, o profissional pode fazer perguntas, proporcionando assim, um diálogo construtivo entre líder e subordinado.

Aqui, você pôde conhecer essa metodologia de análise de performance e aprendeu os passos para realizar a avaliação de desempenho 180 graus. Agora, é importante aplicá-lo com bastante cuidado, priorizando sempre o bem estar dos colaboradores.