Propaganda

Como elaborar uma entrevista: passo a passo para não errar

Como elaborar uma entrevista: passo a passo para não errar
Propaganda

O processo de seleção e recrutamento é uma das rotinas mais importantes do RH. Escolher os melhores candidatos não é uma tarefa fácil. Contudo, o R&S tem seu papel estratégico em auxiliar a empresa a alcançar seus objetivos. Por isso, é essencial que todas as etapas sejam efetuadas com eficiência. Neste artigo, abordaremos sobre a fase das entrevistas. Afinal, os gestores precisam saber como elaborar uma entrevista de sucesso.

Isso porque se efetuada da maneira correta, é possível extrair informações relevantes que podem ser cruciais na escolha dos melhores candidatos. Para te auxiliar nesta tarefa, preparamos um conteúdo com dicas fundamentais para você não errar mais na hora de planejar as entrevistas. Continue acompanhando a leitura!

Importância da entrevista no processo de R&S

Caso ocorra falhas em alguma das etapas do processo de R&S, todo o processo pode se tornar ineficiente. Com isso, a empresa pode sofrer prejuízos: aumento da taxa de rotatividade e dos custos, baixo engajamento dos colaboradores, etc. 

Por isso, os gestores precisam estar bem preparados para a etapa das entrevistas dos candidatos. Elas têm um papel importante em todo o processo, além de ser uma ótima ferramenta para ajudar na seleção final. Isso porque é o momento que o gestor estará em contato direto com o candidato. 

Com o diálogo, é possível analisar a veracidade das informações colocadas no currículo, avaliar a postura do profissional, conhecer melhor suas experiências, entre muitas outras informações não obtidas nas etapas anteriores.

Porém, para alcançar esses resultados, é preciso planejamento e organização. Sem isso, a entrevista será um tempo desperdiçado dos gestores e não alcançará os resultados esperados.

Mas, como planejar uma entrevista? Continue acompanhando! 

Como elaborar uma entrevista? 

Confira abaixo quais são os passos para estruturar uma entrevista eficiente:

1º passo: Obtenha as informações da vaga

Antes de entrevistar o profissional, o gestor deve saber quais são as informações referentes a vaga disputada: competências necessárias, carga horária de trabalho, o que a empresa espera do candidato, qual o perfil ideal para preencher a vaga, etc. Isso irá facilitar a elaboração das perguntas e a definição da estratégia que o entrevistador irá utilizar. 

2º passo: Analise as informações do currículo

O próximo passo é analisar o currículo do candidato. Além disso, também é importante ter ele em mãos durante o decorrer da entrevista. Através do currículo, o gestor pode saber qual a formação do profissional, suas experiências profissionais, habilidades, entre outras informações fundamentais. O entrevistador deve estar preparado e com o máximo de conhecimento possível sobre o candidato para obter melhores resultados.

3º passo: Elabore as perguntas

Chegou a hora de elaborar as perguntas. Com as informações obtidas nas etapas anteriores, é possível identificar com mais facilidade quais serão as mais adequadas para a entrevista. A estratégia é fazer perguntas que irão contribuir para que o candidato consiga demonstrar se realmente possui as competências que ele diz ter.  

Para te ajudar no momento da entrevista, você pode preencher uma tabela com as seguintes colunas:

  • Competência a ser avaliada;
  • Nota de relevância da competência para a vaga (Estabeleça um padrão de nota. Exemplo: notas de 1, como menos importante, até  5, como indispensável);
  • Selecione uma pergunta que pode te oferecer uma nota em relação à competência a ser avaliada no candidato. 

4º passo: Defina a estrutura da entrevista

Por fim, junte todos os dados obtidos nas etapas anteriores e elabore a estrutura a ser utilizada. Mesmo em casos de entrevistas informais, o planejamento com os pontos que serão abordados é indispensável.

A estrutura irá depender do tipo de entrevista a ser aplicado no processo. Contudo, as entrevistas costumam seguir 3 etapas importantes:

  • Momento inicial para quebrar o gelo com troca de informações não tão fundamentais;
  • Avaliação do comportamento pessoal através de perguntas que identifiquem questões familiares, formação acadêmica ou técnica, e o lado profissional;
  • Por fim, ocorre a consolidação e o gestor fala os pontos mais relevantes em relação à vaga.

Como conduzir uma entrevista? 

Agora que você já sabe como elaborar uma entrevista, talvez esteja se perguntando como não errar na hora de realizá-la. Por isso, separamos algumas dicas para obter sucesso nesta tarefa. Confira abaixo:

1. Apresente-se

A primeira coisa a fazer é apresentar-se. Em seguida, também apresente a empresa, fale sobre o seu objetivo e sobre o que ela está esperando do candidato que irá preencher a vaga. Nessa hora, é importante fazer com que o candidato se sinta à vontade para facilitar o andamento da entrevista.

2. Inicie as perguntas

Após isso, o gestor pode iniciar as perguntas que foram definidas no planejamento. É importante que o entrevistador varie o tipo de perguntas que serão feitas para obter melhores resultados. Veja abaixo os 3 exemplos:

  • Perguntas fechadas que tem relação com fatos: “Por quanto tempo você trabalhou no seu último emprego?”
  • Perguntas abertas que são baseadas nas competências exigidas: “Poderia descrever 3 realizações suas na empresa A?”
  • Perguntas comportamentais e hipotéticas: “Como líder, o que você faria para promover o trabalho em equipe no seu time?”

É fundamental que o entrevistador tenha clareza nas perguntas e seja conciso. Como dito anteriormente, o currículo deve estar em mãos para verificar as informações contidas nele (experiências, cursos, etc.). Também é preciso deixar com que o candidato expresse e argumente melhor alguns pontos. Caso haja dúvidas, é nessa hora que devem ser esclarecidas.

3. Dê espaço para que o candidato fale

Após as perguntas, o entrevistador deve deixar o candidato falar um pouco mais sobre si e levantar questões que ainda não foram levantadas na conversa. Caso tenha alguma dúvida, faça novas perguntas de forma sutil.

4. Anote as informações

Lembre-se de anotar todas as informações obtidas para não perder dados que serão importantes para a avaliação. Apenas as impressões gerais podem não ser o suficiente para as análises. Faça isso de forma discreta e de acordo com o ritmo da entrevista, para que o tempo não se estenda demais.

5. Agradeça e se despeça

Por fim, agradeça ao entrevistado e se despeça com educação. Este cuidado irá gerar uma boa experiência na entrevista e contribuir para a boa imagem da empresa. É importante lembrar que você pode estar falando com o possível futuro colaborador. Portanto, a educação é primordial.

Dicas finais para realizar uma entrevista

Separamos algumas dicas finais para te auxiliar durante a entrevista:

  • Escolha um lugar calmo e sem movimento. Assim, ninguém poderá interromper e atrapalhar o diálogo;
  • Não entre em discussão com nenhum candidato. Seja cordial e sempre mantenha a postura profissional;
  • Afaste os preconceitos e evite fazer perguntas íntimas que não estão ligadas a avaliação;
  • Questione sempre os pontos positivos e negativos do candidato, analisando como o candidato se auto-avalia;
  • Seja flexível, mas aplique um critério fixo para avaliar todos os candidatos. Dessa forma, a avaliação será facilitada. 

Modelo de roteiro para entrevistas

Como bônus, separamos um modelo de entrevista para você realizar na sua empresa:

  1. Como você conheceu a empresa?
  2. O que levou você a escolher essa profissão?
  3. Quais foram as suas experiências profissionais até o momento e como você as avalia?
  4. Quais são as suas limitações profissionais?
  5. O que mais te incomoda no ambiente de trabalho?
  6. Qual foi o maior desafio na sua carreira profissional e como você o resolveu?
  7. Quais são as suas metas profissionais?
  8. Qual foi a sua maior realização no seu último emprego?
  9. Qual foi a sua meta não alcançada no seu último emprego?
  10. O que te motiva a trabalhar conosco?

Considere as entrevistas online

Cada vez mais as entrevistas online estão presentes nos processos de R&S. Com a pandemia causada pelo Covid-19, as empresas precisaram optar pelo modelo remoto. Além de auxiliar na agilidade do processo de seleção, a entrevista online pode trazer diversos benefícios.

No software JobConvo, por exemplo, é possível criar um roteiro estruturado de entrevista para os candidatos responderem através de um vídeo, facilitando a triagem dos profissionais. 

Além disso, também é possível fazer a entrevista online através de uma videoconferência. A entrevista fica gravada e os gestores podem consultar depois para fazer suas avaliações. 

A JobConvo é um software de recrutamento e seleção que pode otimizar todas as etapas do processo. Ficou interessado? Clique aqui para solicitar uma demonstração gratuita!

Propaganda

Sobre o autor

JobConvo

A JobConvo foi desenvolvida para crescer com a sua empresa – fornecendo os recursos e a flexibilidade de que você precisa em cada estágio. Se a sua empresa possui 1 ou 10.000 funcionários, pode contar conosco. Atualmente nossas soluções abrangem plataforma de Gestão para Processos de Recrutamento e Seleção e admissão digital, onde você pode gerir todo o processo com um sistema com inteligência artificial.

Idiomas

Sobre a JobConvo

Plataforma Líder em Gestão para Processos de Recrutamento e Seleção

  • Crie requisições;
  • Personalize e automatize as etapas dos processos;
  • Compartilhe as vagas em diversos canais;
  • Aplique testes técnicos;
  • Faça o Fit Cultural e a tendência de comportamento dos candidatos;
  • Analise as vídeo entrevistas;
  • Compartilhe os finalistas com gestores;
  • Analise os relatórios;
  • Faça a admissão digital.

Saiba mais