Como lidar com o conflito entre as gerações X, Y e Z?

Como lidar com o conflito entre as gerações X, Y e Z?

A relação entre os profissionais mais jovens e os que possuem mais anos de experiência no mercado de trabalho tem se tornado uma pauta cada vez mais comum. É importante estabelecer esse vínculo de forma igualitária e respeitosa. Continue a leitura para descobrir como lidar com o conflito entre as gerações X, Y e Z!

Quais as diferenças entre as gerações XYZ?

Todos os profissionais são capazes de se destacar em seus cargos e de possuir as mesmas competências, porém, cada geração tem sua forma de agir e de operar, influenciando totalmente no ambiente de trabalho. Confira abaixo as particularidades de cada uma:

Geração X

Nascidos entre 1961 e 1980, esses profissionais veem as hierarquias como menos rígidas, porém importantes. Além disso, prezam por estabilidade e são comprometidos e consistentes em suas atitudes.

Geração Y

A geração Y ou os “Millennials”, é composta por pessoas nascidas entre 1981 e 2000, marcadas pela revolução tecnológica, tendo um contato melhor com a tecnologia no trabalho em relação à geração X.

Geração Z

A geração Z é formada por pessoas nascidas a partir de 2001. Possui melhor conectividade com o mundo virtual e uma relação natural e fluida com a tecnologia, que em sua época envolve boa parte dos processos profissionais.

Quais são os conflitos entre as gerações X, Y e Z?

Os principais conflitos das gerações são motivados por suas diferenças.

Por exemplo, no ambiente de trabalho, é normal ter como gestor um profissional da geração X, com anos de empresa e experiência, totalmente adaptado aos valores e cultura da organização.

Este colaborador precisa gerir seu analista da geração Y, recém-formado, com menos tempo de empresa e experiência de mercado, porém cheio de ideias e inovações. Além do estagiário da geração Z, que ainda está na faculdade, introvertido e sem proatividade, sendo considerado o desinteressado.

Como solucionar o conflito de gerações?

Para solucionar esses possíveis conflitos de gerações em sua empresa, é necessário seguir alguns passos e realizar ações estratégicas e intencionais.

1. Entenda os diferentes estilos de trabalho e valorize o melhor de cada um

Veja um exemplo:

A geração X não aprecia ser monitorada em tudo o que faz, gostam de saber do processo e entender como tudo é realizado. Já a geração Y tem como foco o resultado final do processo, buscando tomar suas próprias decisões, realizando suas tarefas da forma que entendem ser melhor para o processo, porém, gostam de receber feedbacks.

Saber essas diferenças ajuda a empresa a entender o comportamento de seus colaboradores e como agir para valorizar suas ações de cada um deles, independente da geração em questão.

2. Busque pontos em comum

Ao estabelecer uma meta comum para todos os colaboradores, é interessante uni-los para alcançar o objetivo proposto.

Dessa forma, não importa suas diferenças, o trabalho passa a ser a força motivadora, fazendo com que transformem suas diferenças em algo vantajoso para o trabalho em questão. Isso fará com que, ao invés de problemas, eles tragam bons resultados.

3. Estimule a comunicação

Ter um ambiente dividido e sem interação entre os colegas de trabalho interfere diretamente no clima organizacional, atingindo a produtividade da equipe e gerando conflitos.

Por isso, é importante estimular o relacionamento entre os colaboradores, buscando gerar maior sensibilidade e empatia entre eles, favorecer a compreensão das diferenças e contribuir para que um possa aprender com o outro.

Além disso, é importante ensiná-los a usar as práticas de Comunicação Não-Violenta (CNV), que visa desenvolver uma forma mais eficiente e empática de se relacionar com o outro.

4. Leve em conta os valores

Cada geração tem seus valores, o que pode gerar diversos conflitos. A geração X costuma valorizar mais o trabalho em equipe, a cooperação e o comprometimento. A geração Y prefere tomar decisões individuais. Já a geração Z valoriza equipes abertas e honestas, que colaborem juntas.

É importante entender como cada um se relaciona e como um pode aprender com os valores do outro, de forma que as divergências se tornem complementos para a equipe.

5. Cuidado com as comparações públicas

Evite fazer declarações em público e comparar os colaboradores, suas gerações e desempenhos, sabendo que nem todos processam informações da mesma forma.

Por isso, busque alinhar as informações, de forma que a compreensão se torne igualitária. Caso haja algum comentário a se fazer, busque conversar de forma individual com cada colaborador.

6. Supere os estereótipos

Com o avanço científico e tecnológico, e o aumento da expectativa de vida, surgiu um novo comportamento nas pessoas, que atualmente buscam estar cada vez mais modernas, jovens e produtivas. Isso também tem a ver com a necessidade do mercado, fazendo com que os profissionais busquem estar atualizados de acordo com as exigências do momento.

Por isso, é importante que a empresa busque, desde o processo de recrutamento, tratar de forma igualitária os colaboradores, valorizando suas competências e aquilo que podem oferecer de positivo a empresa, não utilizando a idade como parâmetro de avaliação principal.

7. Fale da importância das gerações para o crescimento da empresa

O contato entre profissionais de diferentes gerações é essencial para o sucesso da empresa (quando bem administrada a situação!). Portanto, é importante identificar, reconhecer e gerenciar as potencialidades de cada profissional para aproveitar ao máximo seus conhecimentos, gerando um alto rendimento e ótimos resultados para a empresa. 

Além disso, deixe bem claro para seus colaboradores a importância de cada um, motivando-os a crescer, não importando a sua geração.

Gostou deste artigo? Para avaliar a satisfação dos seus colaboradores no ambiente de trabalho, é importante fazer a pesquisa de clima organizacional. Clique aqui e descubra o passo a passo de como ela deve ser feita!

Sobre o autor

JobConvo

A JobConvo foi desenvolvida para crescer com a sua empresa – fornecendo os recursos e a flexibilidade de que você precisa em cada estágio. Se a sua empresa possui 1 ou 10.000 funcionários, pode contar conosco. Atualmente nossas soluções abrangem plataforma de Gestão para Processos de Recrutamento e Seleção e admissão digital, onde você pode gerir todo o processo com um sistema com inteligência artificial.

Sobre a JobConvo

Plataforma Líder em Gestão para Processos de Recrutamento e Seleção

  • Crie requisições;
  • Personalize e automatize as etapas dos processos;
  • Compartilhe as vagas em diversos canais;
  • Aplique testes técnicos;
  • Faça o Fit Cultural e a tendência de comportamento dos candidatos;
  • Analise as vídeo entrevistas;
  • Compartilhe os finalistas com gestores;
  • Analise os relatórios;
  • Faça a admissão digital.

Saiba mais