Departamento pessoal: 12 habilidades essenciais na área

Departamento pessoal: 12 habilidades essenciais na área

O departamento pessoal é uma área focada na gestão dos colaboradores dentro de uma organização. É atribuída a ele a responsabilidade de contratar e demitir, realizar o pagamento, oferecer os benefícios, determinar férias e assim por diante.

O objetivo do departamento é conseguir cumprir, de maneira geral, todas as legislações e normas que estão em vigor. Além disso, ele ajuda a oferecer aos colaboradores aspectos técnicos que ajudem a ser mais produtivos.

Apesar de ser contextualmente burocrático, existem algumas habilidades que são essenciais para esse profissional e não envolve diretamente somente aspectos técnicos.

Pensando nisso, abordaremos neste conteúdo quais são as habilidades essenciais para esse tipo de trabalho e como elas são aplicadas no dia a dia da empresa. Boa leitura!

 

plano-gratis-jobconvo

O que é o departamento pessoal?

O departamento pessoal é o local responsável por cuidar de toda parte burocrática ligada ao funcionário desde a sua chegada, até o seu desligamento, para que seja garantido que o processo demissional, seja feito corretamente.

Quais são as 12 habilidades essenciais no departamento pessoal

#1 – Conseguir se comunicar adequadamente:

É fundamental que para conseguir trabalhar diretamente com os colaboradores o gestor saiba se comunicar da maneira correta. Isso acontece porque o departamento pessoal tem como responsabilidade:

  •       Transmitir as informações a toda a equipe;
  •       Conseguir solucionar problemas e esclarecer dúvidas;
  •       Alinhar o objetivo dos colaboradores com os valores da empresa.

Além disso, esse departamento tem contato constante com os colaboradores e é um porta-voz que deve representar toda a empresa de maneira externa. Por essas e outras razões, o profissional do departamento pessoal está ligado à inteligência emocional.

#2 – Departamento pessoal – Empatia:

A empatia é também outra habilidade indispensável para quem atua no departamento pessoal de uma empresa. Não por acaso o termo pessoal está incluído, pois ele remete a proximidade e sensibilidade.

O termo empatia se refere à capacidade de uma pessoa se colocar no lugar do outro e é essencial para uma pessoa precisar lidar com questões pessoais dos colaboradores que fazem parte da empresa.

Com o comportamento de se colocar no lugar dos outros, fica mais fácil se colocar no lugar do outro para solucionar questões ligadas ao dia a dia sem se tornar rigoroso, mas, ao mesmo tempo, sem negligenciar a função de conduzir os colaboradores para realizarem o serviço que precisam.

#3 – Ter uma postura motivadora:

O profissional do departamento pessoal deve ser uma fonte de inspiração importante para cada colaborador que tenha contato com o setor dentro do ambiente de trabalho.

Assim, é essencial ter uma postura motivadora, para saber se posicionar sempre de maneira positiva e proativa.

Um dos pontos positivos é que, ao ser uma pessoa motivadora, o profissional consegue motivar os demais, assim como conquistar a confiança e aumentar a credibilidade em suas ações.

Portanto, ao mostrar para os demais que ele gosta de sua função dentro da empresa, eles se sentem motivados a darem o melhor em outras atividades.

#4 – Departamento pessoal – Conseguir se prevenir de problemas:

Além de ter o conhecimento em habilidades sociais, é fundamental que esse profissional tenha os conhecimentos técnicos para abranger os processos do dia a dia da empresa e verificar se pode acontecer algum tipo de problema.

A partir de uma visão macro é possível analisar determinadas situações e prever prováveis resultados futuros, o que permite que a empresa antecipe alguns comportamentos.

Uma maneira de potencializar esse tipo de prevenção é utilizando tecnologias de RH. Existem muitos softwares inovadores que conseguem ler dados e prever possíveis cenários na empresa.

Somado com uma boa visão do departamento pessoal, a tecnologia pode ajudar o setor a determinar estratégias privilegiadas para lidar com possíveis crises.

#5 – Visão analítica:

Outra habilidade fundamental para o departamento pessoal é a visão analítica, principalmente quando o assunto são os dados. Quando aplicada corretamente, ela permite que a gestão de pessoas mensure adequadamente todas as áreas da empresa.

Se a sua empresa consegue, por exemplo, analisar corretamente o percentual de turnover e tomar as decisões corretas frente a esse número, é natural que as demais áreas da empresa se sintam mais confiantes para continuar trabalhando.

#6 – Conseguir trabalhar em equipe:

Não é de hoje que sabemos que trabalhar as relações interpessoais entre os colaboradores é um grande desafio para qualquer organização, já que cada membro tem uma visão de mundo e perfil diferente.

Assim, conseguir trabalhar em equipe, é essencial para que as relações não impactam de maneira negativa a relação entre todos os funcionários. Somente assim todos os envolvimentos irão se sentir benéficos.

#7 – Departamento pessoal – Necessidade de ser ágil:

Já falamos aqui que o departamento pessoal lida, principalmente, com as questões burocráticas, sendo assim ter um Mindset ágil é muito importante para poder lidar com essa profissão que exige muita dinâmica.

Entretanto, é importante ter atenção, pois, o Mindset ágil não significa capacidade de organização, mas sim ter qualidade de produtividade e uma mente inovadora.

Para que seja possível desenvolver essa visão você precisa ter uma visão muito bem definida, se questionando sempre quais são as melhorias que poderiam acontecer.

#8 – Ter um bom networking:

Ter um bom networking é uma ótima habilidade e ela não pode faltar, de maneira nenhuma, dentre as características da equipe do departamento pessoal.

É bem comum encontrar gestores relatarem que não acreditam que o Networking é uma habilidade relevante. Mas, isso só mostra que eles não têm o conhecimento do quão estratégico são essas relações e a importância de criar uma rede de parceiros.

Através do Networking você passa a ter contato com pessoas que estão em uma realidade diferente da sua, o que pode aumentar as suas chances de aprender novas estratégias que ainda não foram aplicadas.

#9 – Departamento pessoal – Saber a maneira certa de dar feedback:

Uma das qualidades extremamente valorizadas no profissional que atua no departamento pessoal é saber conseguir conversar com os colaboradores quando necessário e motivá-los quando necessário.

Dar o feedback nunca é fácil e, naturalmente, ele tende a trazer uma certa tensão já que uma pessoa está sendo avaliada. Assim, saber acolher o colaborador contribui para o crescimento da empresa e da equipe.

#10 – Estudar de maneira constante:

Ter em mente que o conhecimento precisa ser algo constante é fundamental para o profissional que atua no departamento pessoal. Além disso, estamos falando de um setor que pode mudar muito, devido a acordos coletivos e às legislações.

Um gestor que estuda de maneira constante é alguém que consegue trazer boas ideias para a empresa e um olhar mais específico para os setores do negócio.

#11 – Ser ético:

Um dos maiores diferenciais que destacam o profissional do departamento pessoal é a transparência e a ética dele frente ao trabalho. Essa é uma habilidade fundamental, pois, estamos falando de um gestor que tem em mãos, uma grande quantidade de informações restritas.

Neste caso, as informações confidenciais precisam estar sempre muito bem guardadas. Entretanto, se as informações forem responsáveis por impactar a vida dos colaboradores de maneira direta, então elas precisam ser comunicadas de forma transparente.

Se, por um deslize e erro, acontecer o vazamento de algum tipo de dado ou mesmo a emissão de informações importantes, o setor precisará lidar com ruídos na comunicação, colocando sob risco a produtividade da equipe e a confiança deles.

#12 – O departamento pessoal precisa ter uma boa relação com o time da contabilidade:

Por fim, não podemos deixar de mencionar que o departamento pessoal precisa e muito ter um bom relacionamento com a equipe de contabilidade, já que, de maneira geral, eles precisam estar em constante contato para lidar com os negócios e a burocracia da empresa.

É comum, inclusive, em empresas pequenas e médias, o analista do DP ser quem irá substituir o contador, contratado de um escritório externo para ajudar a empresa.

Ambas as áreas estão em constante contato, já que o contador precisa de informações que somente o departamento pessoal tem, como a folha de pagamento, envio de guias para situações tributárias e trabalhistas.

Além disso, existem outras informações que são essenciais para o contador e precisam ser enviadas pelo gestor do DP, como:

  •       Notificações que funcionários estão entrando em férias;
  •       Salário, adicionais e possíveis comissões;
  •       Funcionários que faltaram e receberem afastamentos;
  •       Arquivo do ponto para que o contador possa identificar atrasos e faltas e assim determinar horas extras;
  •       Dados cadastrais dos colaboradores que foram contratados recentemente.

O contador, por outro lado, precisa responder a essas informações com ações como, por exemplo, ajudar a empresa a determinar o quanto pagar para um funcionário.

Além disso, ele deve devolver a folha de pagamento fechada, com todos os impostos que precisam ser pagos e todas as guias que serão enviadas ao governo.

 

 

Saber quais são as principais habilidades do departamento pessoal é fundamental, seja para você futuro gestor ou para o próprio colaborador, afinal de contas, é importante saber a quem recorrer em casos de problemas que devem ser resolvidos.

Se você gostou deste conteúdo, não deixe de acompanhar outros posts que temos disponível. Grande abraço e até mais!

plano-gratis-jobconvo

Sobre o autor

JobConvo

A JobConvo foi desenvolvida para crescer com a sua empresa – fornecendo os recursos e a flexibilidade de que você precisa em cada estágio. Se a sua empresa possui 1 ou 10.000 funcionários, pode contar conosco. Atualmente nossas soluções abrangem plataforma de Gestão para Processos de Recrutamento e Seleção e admissão digital, onde você pode gerir todo o processo com um sistema com inteligência artificial.

Newsletter BR

Pesquisa Vagas

Vagas Tech

PodCast

Sobre a JobConvo

Plataforma Líder em Gestão para Processos de Recrutamento e Seleção

  • Crie requisições;
  • Personalize e automatize as etapas dos processos;
  • Compartilhe as vagas em diversos canais;
  • Aplique testes técnicos;
  • Faça o Fit Cultural e a tendência de comportamento dos candidatos;
  • Analise as vídeo entrevistas;
  • Compartilhe os finalistas com gestores;
  • Analise os relatórios;
  • Faça a admissão digital.

Saiba mais