Headhunter: Entenda o que é, o que faz e como se tornar um

Avalie

Muito se fala em RH e as vantagens de ter um profissional responsável pela contratação. O temido Recursos Humanos é responsável pelas entrevistas, e dele depende a aprovação ou reprovação do candidato. Mas em meio ao universo das contratações surgiu o headhunter.

O headhunter para recolocação profissional, é muito buscado pelas empresas e pelos candidatos. O termo em inglês headhunter é a junção das palavras head, que significa cabeça, e hunter, que significa caçador. Com isso, a tradução de headhunter é: caçador de cabeças.

Um profissional com essa função é basicamente uma pessoa que procura por talentos. Ou seja, ele é focado em encontrar a melhor pessoa para determinada função.

Mas, o que é um headhunter?

Vimos o significado de headhunter, mas agora é preciso compreender qual a função desse profissional na organização e como contratar um headhunter. Um headhunter pode ser um indivíduo autônomo, ter contratos temporários, ser um prestador de serviço ou ser funcionário integral de uma empresa.

O headhunter tem como objetivo preencher as vagas abertas com as pessoas mais competentes que o mercado pode oferecer. Além disso, esse profissional pode agir para o bem da organização levando pessoas com know-how para a empresa, mesmo que eles nem sabem que precisam delas. Ou seja, ele propõe mudanças no quadro de funcionários agregando valor para melhorar a performance.

Intermediário entre o cliente e o candidato ao emprego, o headhunter, visa identificar os melhores candidatos existentes no mercado, analisando criteriosamente o perfil desses profissionais e escolhendo o mais apto ao trabalho.

1- Headhunter: Características e Qualificações

Entre as características do profissional estão:

  • Ter Confiança em Si Mesmo.
  • Ter Iniciativa e Liderança.
  • Ser empreendedor.
  • Saber ouvir.
  • Ter entusiasmo e persistência.
  • Ser ambicioso.
  • Boa Comunicação verbal e escrita.
  • Ser resistente à frustração, saber tirar proveito do fracasso.
  • Comprometimento com sua escolha,.
  • Ter uma personalidade agradável.
  • Saber obter cooperação.
  • Ser discreto.
  • Saber administrar o tempo.
  • Ter concentração e foco.

Entre as Qualificações do profissional estão:

  • Boa observação: Observar e conhecer profundamente a pessoa é essencial para entender qual é o perfil dela. Por isso, ele busca por bons técnicos em um determinado assunto, avaliando-os para posteriormente apresentá-los para uma empresa específica, ou para diversas organizações. Com isso, ele compreende experiências passadas, o momento em que o indivíduo está vivendo e quais são os objetivos de carreira e os pessoais.
  • Excelente escuta: é preciso não somente ouvir o candidato, mas também compreender o momento e as habilidades dele. Por isso, o headhunter procura prestar atenção e anotar os pontos mais importantes.
  • Ótima argumentação: o headhunter busca primeiro estudar profundamente a empresa e a vaga aberta na qual está desenvolvendo seu trabalho. Além disso, o profissional fica sempre atento às características do trabalhador para compreender qual empresa gostaria de ter esse perfil. Com isso, ele constrói argumento sólidos para apresentar no momento certo.
  • Boa Técnica Negociação: o profissional desenvolve bem o poder de argumentação, com isso facilita a conversação. O resultado do profundo conhecimento da empresa e do candidato deixa o processo de construção de argumentos mais simples.
  • Networking: o headhunter precisa ter uma grande rede de contatos a quem ele pode procurar.

2- Headhunter: Salário

O salário do Headhunter depende da rede de relacionamentos que ele possui e de sua credibilidade. No geral, as contratações acontecem em cargos executivos, com isso, a base salarial pode variar muito. A média salarial fica entre um salário do executivo a valores imensuráveis estabelecidos a partir da negociação com a diretoria da empresa que o contrata para conseguir o candidato no mercado de trabalho.

As contratações do Headhunter ajudam a companhia a cumprir metas, planejar novas ações, organizar a empresa e conseguir novos clientes, o que pode gerar resultados milionários para a empresa. Além disso, ele contribui para o baixo índice de turnover (rotatividade de pessoal).

 

Qual é a diferença entre recrutador e Headhunter?

Muitos acreditam o headhunter tem a mesma função de um profissional de RH, desvalorizando o trabalho diferenciado que ele exerce. Porém as duas profissões são bem distintas. Entenda a diferença:

1- Atribuições do RH

Diferentemente do Headhunter, o recrutador busca pessoas com base no currículo e em processos seletivos com etapas como entrevistas, dinâmicas e testes de perfil. Suas principais atribuições são:

  • Seleção e recrutamento de talentos.
  • Elaboração das políticas de gestão da organização.
  • Treinamento de pessoal.
  • Avaliação e elaboração de estratégias.

2- Atribuições do Headhunter

A principal ferramenta que este profissional utiliza é a sua ampla rede de contatos em que ele seleciona um candidato e oferta uma vaga. A ampliação do networking ocorre de forma natural, pois os candidatos procuram se aproximar e estabelecer vínculos para conseguir um bom emprego. Suas principais atribuições são:

  • Encontra esses profissionais fazendo análises em diversos lugares e ocasiões. Procura profissionais em locais inusitados como festas de gala, jantares ou até mesmo em pistas de corrida.
  • Não precisa ser necessariamente um colaborador em tempo integral de uma empresa.
  • O propósito desse profissional é melhorar a vida das pessoas, oferecendo a elas oportunidades de emprego que tenham sinergia com suas potencialidades e desejos, e atender de forma assertiva as necessidades das empresas contratantes.

3- Benefícios do Headhunter para a empresa

A principal vantagem de se contratar um headhunter é contar com a expertise desse profissional. Com uma visão estratégica e experiência de mercado, o headhunter sabe exatamente como determinar qual é o melhor perfil para ocupar a vaga e como procurar os melhores profissionais. O headhunter é mestre em fazer networking e, por isso, tem uma extensa rede de relacionamentos.

Como se tornar um Headhunter?

Não há uma formação ou algum curso superior específico para habilitar profissionais para atuar como headhunters. Pois, as competências que os headhunters possuem são desenvolvidas a partir de suas experiências profissionais. Mas, um bom modo de fortalecer as capacidades é com o coaching.

Diferentemente do que muitos acreditam, para atuar como headhunter, não é preciso ter uma formação ligada à área de recursos humanos. É muito comum ver profissionais que deixam suas áreas primárias de trabalho e passam a recrutar para esse segmento.

Mais importante do que a formação é a bagagem técnica na área de atuação, facilidade de comunicação e foco em resultado. Além disso, dispor de energia, dinamismo, persistência, comprometimento e habilidade de entender o outro é essencial para esse ramo de atuação.