Liderança coercitiva: o que é e como funciona? Veja o impacto

Liderança coercitiva: o que é e como funciona? Veja o impacto

Toda e qualquer equipe, time, empresa independentemente de seu segmento precisa de uma liderança. No entanto, diferente do que muita gente pode pensar, existem lideranças que podem ser pouco benéficas à saúde da corporação e um exemplo claro disso é a liderança coercitiva, sobre a qual falaremos no conteúdo de hoje.

Quer saber mais sobre o assunto? Para isso, basta continuar a leitura. 

O que é uma liderança coercitiva?

Se levarmos ao pé da letra o que está escrito no dicionário, o termo coercitivo significa obrigar, forçar ou coagir. Sua utilização está atrelada a uma ordem ou medida exigida que precisa ser cumprida, com a expressão de opressão e autoridade. Dessa maneira, podemos definir liderança coercitiva como um tipo de liderança onde o líder usa sua força e poder para obrigar que seus subordinados façam o que ele quer.

Esse tipo de liderança é semelhante ao de um modelo autocrático, onde gestor toma as decisões e seus subordinados devem apenas aceitar sem nenhum tipo de contribuição com suas visões. Normalmente esse tipo de liderança faz uso da estratégia de medo e punição para motivar a equipe a alcançar os resultados almejados. Trata-se de uma gestão onde há muita cobrança com intensa pressão psicológica e a lembrança frequente de que erros podem resultar em punições.

Neste tipo de gestão, o colaborador é visto apenas como mão de obra, que não possui voz.

Impactos negativos da liderança coercitiva na empresa

Como mencionado anteriormente, na liderança coercitiva, se o líder acreditar que o profissional foi incapaz de entregar um resultado esperado, ele não merece uma promoção, ou então pode recomendar horas extras forçadas, descontos em salário e em casos extremos, até mesmo uma demissão!

O feedback é sempre de grande valia para o crescimento profissional, no entanto, ele sempre deve ser dado de maneira específica. Um feedback negativo deve ser comunicado de modo particular e sempre acompanhado de uma ação positiva corretiva. No entanto, é comum que na liderança coercitiva, o chefe dê somente o feedback negativo aos seus colaboradores em frente de seus colegas, o que pode gerar constrangimento e ser visto como humilhação.

Os principais impactos desse tipo de gestão é que o ambiente de trabalho se torne pesado, com profissionais estressados e nervosos por não possuírem apoio de seu líder, temendo que qualquer tipo de erro possa impactar negativamente em suas carreiras.

Além disso, colaboradores que trabalham nesse ambiente, tendem a ficar desmotivados, sem vontade de trabalhar, o que pode resultar na perda de talentos, já que muitas pessoas não querem trabalhar para pessoas autoritárias que não respeitam seus subordinados.

Como mudar a liderança de coercitiva para inspiradora?

Entendemos que a competitividade no mercado de trabalho é alta e existe sempre uma grande cobrança por resultados dos profissionais, mas não será em um ambiente tenso, através de uma liderança coercitiva que isso se resolverá. Muito pelo contrário, os colaboradores precisam de líderes amenos, capazes de incentivar, motivar e inspirar.

É dessa forma que apresentamos uma outra forma de liderança: A liderança inspiradora. Como o nome já sugere, ela inspira, motiva os indivíduos a buscarem seus objetivos. Além disso, o líder valoriza seus subordinados, reconhece seus talentos, visões e opiniões na hora de tomar uma decisão. 

Principais características de um líder inspirador

A exemplo do que ocorre na liderança coercitiva, o líder inspirador possui algumas características específicas. Mostraremos agora as principais delas. 

Transmite confiança

A transmissão de confiança é algo importante e necessário para toda e qualquer equipe.. Um líder capaz de transmitir confiança através de tirada de dúvidas, sugestões e ainda realizar um trabalho de modo eficiente e engajado é de grande valia para a toda e qualquer equipe.

Encara desafios

Todo líder inspirador sabe como administrar os mais variados tipos de situações. Tão importante quanto encarar os desafios, é a forma com que eles são encarados. Agir de modo calmo, inteligente, cauteloso e atencioso são fundamentais para a união e fortalecimento da equipe.

É autêntico e curioso 

Um líder inspirador precisa ser autêntico. Há muitas formas de se liderar uma equipe, por isso, construir e manter uma liderança autêntica é muito importante. Agregar bons hábitos, estilo e valores na administração de um time, são formas autênticas de liderar.

Além disso, a curiosidade é algo que sempre deve se fazer presente na rotina de um líder. Um líder curioso, que questiona seu time de maneira honesta, buscando novas formas de resolução é visto como uma pessoa inspiradora.

Tem uma fonte de inspiração 

E por último, mas não menos importante, é preciso saber que todo líder inspirador se inspira em alguém. Ter uma fonte de inspiração é fundamental para manter o espírito de liderança sempre renovado. Uma ótima maneira de se encontrar fontes de inspiração se dá através de leituras, participação em congressos e manutenção de network.

Quando a equipe se sente motivada e inspirada, o líder não precisa fazer cobranças, pois seu time se sentirá valorizado e parte da empresa e terão vontade de colaborar de forma espontânea.

Ao acabar com a liderança coercitiva, os resultados apresentarão melhoras, sendo um reflexo natural do novo ambiente de trabalho.

Um sistema automatizado é capaz de realizar pesquisas internas capazes de detectar lideranças coercitivas e sugerir ações corretivas de maneira rápida e precisa! Quer fazer da sua empresa um ambiente agradável e produtivo? Solicite agora mesmo uma demonstração de software GRATUITA

Sobre o autor

JobConvo

A JobConvo foi desenvolvida para crescer com a sua empresa – fornecendo os recursos e a flexibilidade de que você precisa em cada estágio. Se a sua empresa possui 1 ou 10.000 funcionários, pode contar conosco. Atualmente nossas soluções abrangem plataforma de Gestão para Processos de Recrutamento e Seleção e admissão digital, onde você pode gerir todo o processo com um sistema com inteligência artificial.

Sobre a JobConvo

Plataforma Líder em Gestão para Processos de Recrutamento e Seleção

  • Crie requisições;
  • Personalize e automatize as etapas dos processos;
  • Compartilhe as vagas em diversos canais;
  • Aplique testes técnicos;
  • Faça o Fit Cultural e a tendência de comportamento dos candidatos;
  • Analise as vídeo entrevistas;
  • Compartilhe os finalistas com gestores;
  • Analise os relatórios;
  • Faça a admissão digital.

Saiba mais